O Ultimo Ravnos

(Texto adaptado do Cânone aproximando para o Metaplot do Rio V5)

Os Ravnos oportunistas encontravam na América do Sul até a Semana do Pesadelo um terreno fértil para suas necessidades.

Muitos eram atraídos pelo Rio de Janeiro e sua alegada atmosfera decadente.


A realidade nem sempre era o que esperavam, mas muitos Ravnos se adaptavam. Outros eram atraídos para a Colômbia e outras partes do continente onde podiam saciar seus desejos básicos sem muito medo de represália pelas autoridades mortais ou cainitas.

Infelizmente, muitos descobriam que outros cainitas que haviam chegado lá primeiro tinham ideias definitivas e desagradáveis sobre seus visitantes.


Como regra geral, os Ravnos evitavam a região selvagem da América do Sul. A Floresta Amazônica era muito perigosa para viajar, dada a presença de lupinos e estranhas Feras e outras criaturas da noite desconhecidas. Essa região selvagem não perdoava facilmente seus invasores.


Rafael Schliemann era bastante conhecido entre os criminosos na Cidade Livre do Rio de Janeiro Noturno.


Qualquer coisa que alguém precisasse, Mr. Schliemann, ou “Rafa Ravnos, como era conhecido, podia providenciar. Mortais eram sua mercadoria especial. Ele influenciava um próspero tráfico de escravizados que servia de centro de uma teia que seguia através dos oceanos Pacífico e Atlântico até a África, Ásia e partes da América.


Sabia-se que usava as favelas do Rio Noturno como base de suas operações. Também providenciava rebanho ao dispor da sua mais seleta clientela, é há rumores de que vários Ventrue o procuravam regularmente.


“Rafa Ravnos” refugiava- se em uma mansão fortemente protegida que pertencia originalmente a um senhor de engenho português. Teria resistido á Semana dos Pesadelos e a quase o extermínio do seu antigo Clã, porém teria desaparecido alguns anos depois da formação Novo Principado de Dana.


Boatos:

Teria um acordo formal com Kalixto. Usava Baía de Guanabara para traficar pessoas,

enquanto o Setita garantia que “Rafa Ravnos” sempre devesse favores a ele.

Teria um acordo com Saramago para garantir que a Mídia não o investigasse

Teria sido amante de Dominique em algum momento do século XX.


Dizem que teria cortejado Cassandra mas não se sabe se também foi seu amante.

Teria uma rixa com o Ancião Téo do Clã da Rosa ou com a Anciã Sara dos Serpentes por conta de invasão do território.


Teria inimizade com Ignácia do Clã da Rosa e/ou Isaura do Clã da Morte e/ou com Nascimento do Clã dos Rebeldes por conta de suas influências.


Após a Semana do Pesadelo “Rafa Ravnos” teria se tornado um Profeta da Gehenna, aterrorizado por visões da “última cidade” e do apocalipse dos Cainitas.


Recentemente um boato sobre o Último Ravnos ter aparecido no Rio Noturno sugerem que “Rafa Ravnos” poderia ter reaparecido na Cidade Livre.

128 visualizações

© 2018 por Rio V5 LARP.  URL: www.riov5larp.com  |  E-mail: riov5larp@gmail.com  |

  • Ícone do Facebook Branco
  • Ícone do Instagram Branco