Nota sobre o Ato VI

"Não quero que ninguém ignore meus gritos de dor e quero que sejam ouvidos"

Artaud

""Os jardins do Pinel estão abandonados. Estão?

Então, de onde vem esse assobio sibilante? É o vento?

A chuva que insiste em cair,

deixando tudo enlamado,

a água podre e suja do Estado,

A alienação das festas no distante Pão de Açúcar

A vista longínqua dos turistas que vêm e vão no Corcovado

Tudo é caos, mentiras, festa, embriaguez, sangue, desespero, dor

Tudo é um porto seguro e hipócrita para esconder o horror,

A guerra está longe, a intervenção chegou e a cidade…

Estará ainda livre? Perto ou longe da Verdade?

Verdade? As dos novos ou dos com mais Idade?

E eu… De verdade: Estou são?

Ou são meus pensamentos que o tempo todo dizem...Que não? "


Esta é a pauta da próxima Elisia. Com tudo que está acontecendo, não houve como ela ser transmitida antes pelas Harpias e Secretários de Clã para todos os Cainitas Reconhecidos ou Tolerados do Novo Principado da Cidade Livre do Rio de Janeiro Noturno. Apenas durante o transporte pela Rede Nosferatu os Cainitas terão contato com a mesma.


Pauta em ordem dos acontecimentos:


1. Abertura da Elísio já com a presença de todos pela Secretária Anciã Malkaviana Tape que cede o espaço em nome do seu Conselheiro Ancião Malkaviano Malaquias; pela Cortesã e Conselheira Anciã Ventrue Isabelle D'anjou Cria da Falecida Rainha Anne de Londres e seus delegados; pelo Xerife Ancilla Hecata Simon e seus delegados; pelo Ancião Secretário do Clã Nosferatu Arauto Delfim; pelo Príncipe e Cônsul ad Infinitum Ancião Ventrue Don Guido Cria da Ex-Príncipe Dana da Pura Linhagem de Tínia e seu Cappo della Torre Don Vitto com seus soldados; e por fim com o Arconte Interventor da Justicar Malkaviana Julet Parr Ancião Banu Haqim Hassam "Morte Subita" Almawt Almafaji e seus servidores


2. O Arauto irá anunciar que a Cidade Livre está sob Intervenção do mais alto grau hierárquico da Camarilla sob a égide do Justicarato do Clã da Lua.


3. Isabelle irá agradecer a presença em nome de Príncipe Don Guido irá abrir Corte.


4. Anúncio que a Elisia do Principado de Don Guido oficialmente em Corte pelo Senescal e Arauto Delfim


5. Pronunciamentos e Palavras do Príncipe sobre os últimos acontecimentos das Duas Convenções e a Guerra da Camarilla contra os Anarquistas


6. Anúncio pelo Senescal Arauto de estabelecimento do prazo final para os Brujah da Cidade Livre reafirmaram sua lealdade a Camarilla e última decisão do Círculo Interno


7. Pedidos de Justiça ou Lextalionis ao Príncipe


8. Pedido de Domínio ou Território de Caça ao Príncipe


9. Apresentações ao Príncipe (deverão ser feitas uma a uma na presença de todos os responsáveis pela segurança e administração da Práxis, o Príncipe, o Arconte, o Xerife, Capo della Torre, A Cortesã, o Senescal Arauto e o Conselheiro General):


A. Apresentação e Pedidos de Permanência na cidade ao Príncipe


B. Apresentação de Membros novos na cidade ao Príncipe

C. Apresentação de Crianças da Noite e liberação de seu Senhor Ancião ao Príncipe :


D. Apresentação de candidatos ao Abraço por um Ancião que já possua o direito fazê-lo ao Príncipe.


E. Pedidos de Abraço de um novo Membro por um Ancião ao Príncipe.


10.Pronunciamento de algum Ancião ou Membro com Cargo ao Príncipe


11.Anúncio pelo Senescal Arauto dos Favores recentes, pendentes e catalogação de novos favores ao Príncipe


12. Anúncio pelo Senescal Arauto do Novo Arauto por vontade do Príncipe


13. Anúncio pelo novo Arauto que o Arconte e seus delegados irão interpelar durante a Elísia os Cainitas pelos desaparecimentos dos Cainitas da Cidade, Quebras de Máscaras e demais problemas nas últimas Elísias desde o desaparecimento de Dana.


14. Última oportunidade para que os Cainitas se pronuncien sobre os desaparecimentos,