Entreato VI Parte 1 Cenas 3, 4 e 5


PARTE 1

Cena 3

Tempo Malkaviano, 24 de Fevereiro de 2020


Fusão de sentimentos, mentes, insights. Lugar onde consciências sob a maldição de Malkav em forma de corpos astrais se tocam e se comunicam com facilidade. Labirinto da loucura dos Amaldiçoados Lunáticos. A mente do Servire Cole toca finalmente a de sua Sire.


"Mawla..."


"Servire, Você sabe muito bem que, quando estamos a trabalho, você deve se dirigir a mim pelo meu cargo."


"Mas, quando não estamos a trabalho, Sire?"


"Qual das minhas palavras você não entendeu, Servire?"


"Está bem, está bem. Justicar Juliet Parr."


"Agora sim"


"..."


"Você ia dizer…?"


"Trago mensagens do meu Arconte."


"Meu."


"Que?"

"Meu."


"..."


"Meu Arconte."


"Ah, sim, tem razão."


"De novo..."


"Trago mensagens do seu Arconte."


"Excelente."


"Que?"


"Prossiga, Servire!"


"Ah, certamente..."


"..."


"..."


"..."


"Servire…?"


"Sim, Sire?"


"Servire!"


"Ah, sim. É esse instituto, Justicar. Ele está me corroendo. Sinto minha mente se diluindo, cedendo ao meu desejo estático de ficar completamente ausente. É uma tortura, uma agonia sem fim, ficar hospedado no Domínio do Espectro. Os gritos, dores,sentimentos de abandono, as súplicas, as mentes poderosas esquecidas, o vazio, o vazio, o vazio… Eu estou cedendo… Eu estou quase me perdendo na mente do nosso Somnus… É o Olho! O Olho d'Ele! Só pode ser!"